9

Em várias regiões do Brasil a palavra "beque" (ou beck, também back) é usada para denominar um cigarro de maconha, como na frase:

- André, me passe logo este beque, por favor.

Um comentário no twitter indica que viria do termo inglês backwoods blunt, que seria um baseado enrolado numa folha de tabaco. Normalmente estes são mais grossos e maiores do que a média e isso pode indicar que o termo beque se difere do termo "fininho" por implicitamente indicar um cigarro maior e mais grosso.

Alguém tem alguma fonte mais concreta que corrobore ou contradiga essa hipótese?

7
  • 2
    Não sei se é novidade para ti, mas cá vai: (fumar) beque já aparece na imprensa em 1997, e beck em 1999.
    – Jacinto
    Commented Oct 18, 2020 at 8:40
  • 1
    Desconheço a origem, mas não foi em nenhum país de língua inglesa, já que neles a palavra beck não é usada para se referir a maconha. Como essa palavra pode se referir a fumaça (um becker tem esse nome em parte porque é um recipiente usado para aquecer líquidos até eles evaporarem ou virarem fumaça), provavelmente algum brasileiro com conhecimento da língua inglesa adotou essa palavra, como referência simbólica à fumaça que sai do cigarro de maconha, então outras pessoas gostaram da palavra e também a adotaram, o que por fim consolidou o uso dessa gíria. Commented Dec 12, 2020 at 8:48
  • "Bec" em Francês (se pronuncia como "beck") significa bico (como bico de pássaro mas também o bico que fazemos com a boca quando beijamos ou quando estamos chateados), mas não sei até que ponto isso poderia ter influenciado a gíria...
    – Filburt
    Commented Feb 2, 2021 at 12:29
  • 1
    @Yuri: Isso e um beaker não um becker....
    – Lambie
    Commented Jul 4, 2022 at 17:52
  • @Lambie A palavra original é alemã: bäcker (ou baecker), que significa "cozinhar", "aquecer", "cozedor", "aquecedor", "padeiro" etc. Becker é morfologicamente inglesa, porém usada no Brasil. Beaker também é morfologicamente inglesa, e é a forma que se consolidou nos países de língua inglesa. Commented Jul 5, 2022 at 0:38

2 Answers 2

3

Não fumo esse negócio, mas na minha adolescência, eu ouvia o termo pronunciado como "bégue", não "béque". Achei que fosse porque você pega a palavra bagulho, (da gíria, "fumar um bagulho"), abrevia para bag e pronuncia como se fosse inglês ("bégue"). Com o passar do tempo, fui ouvindo cada vez mais béque e não bégue.

1
  • 3
    user11907, quando é que foi a tua adolescência? Quando andamos à procura da origem duma palavra, é muito útil termos datas concretas, tipo, no ano X eu já ouvia essa palavra. Portanto se nos indicares os anos, mesmo que seja aproximadamente, mais dois anos, menos três anos, já é uma grande ajuda.
    – Jacinto
    Commented Jul 5, 2022 at 17:58
3

Certeza

De certeza, não se sabe. Apenas achei dois dicionários que considerassem beque uma palavra como um significado de baseado: O Houaiss e o Priberam. O Houaiss diz que não se estabeleceu ainda. O Priberam diz que vem do francês bec, que é bico.

Não confio muito no Priberam para etimologia, pois, pessoalmente já vi erros disso lá, e acho mais que tenham posto a palavra beque naquele espaço do que checado se ela tem a mesma origem.

Incerteza

Eu tentei achar a tal palavra “beque” em inglês. Não achei em nenhum dicionário confiável, mas achei em lugares de edição pública: Wikipedia, Urban Dictionary e Online Slang Dictionary. No Urban Dictionary, aparece inclusive como verbo. Como gíria aparece mais na fala e menos na escrita, não me parece irrazoável crer que beak realmente seja uma gíria para cocaína, mas não achei onde fosse gíria para maconha nenhures.

Mais evidência é neste livro, onde se diz «People don't OD on half a gram of beak» (= «Ninguém tem overdose com um grama de cocaina»), de 2004. Este livro está até na Amazon, com preview. A data indica que é gíria recente, recente o suficiente para não estar num dicionário. Também é fácil de encontrar outros exemplos pesquisando "gram of beak" ou "grams of beak" no Google. As aspas dizem ao Google que o que está nas aspas deve estar escrito no site, senão ele não mostra o site.

Talvez tenha acontecido influência da possível gíria beak em inglês que tenha criado a gíria beque em português. Note-se que beck é uma escrita alternativa de beak, mas não sei se é usada para a gíria, mas sei que tem uso.

Um contra-argumento é a diferença fonética das palavras, mas é comum um brasileiro falar errado uma palavra inglesa e essa pronúncia tornar-se comum, muitas vezes se baseando na escrita; a escruta da palavra beak é fácil de ser entendida como béqui. Por exemplo, no Brasil é comum dizermos donut algo como nãtch, mas em inglês é dounât.

Isto, porém, é só teoria e insuficientemente forte, pois, aqui não tratei dos seus primeiros usos reconhecidos em português nem explicitamente respondi a várias das perguntas óbvias, como «Por que beque é para maconha e beak é para cocaina?». E há a teoria, explicitada pela resposta cá do user11907, que beque vem de bag, com o suporte de que o Wiktionary registra bag com o uso de sacola para drogas.

É engraçado que o Priberam talvez esteja certo, pois, beak, em inglês, vem do francês antigo bec.

4
  • Tive dificuldade em seguir a tua reposta a partir de "tentei achar a tal palavra 'beque' em inglês". Tentaste achar mesmo "beque"? Porquê "beak"? A pergunta sugere vir de "backwoods blunt", que existe realmente como designação de charuto de tabaco e canábis. "Back" é tipicamente pronunciado por brasileiros (e portugueses) como "beque"; já "beak" tende a dar "bique" (como "leader" > "líder").
    – Jacinto
    Commented Jul 5, 2022 at 7:16
  • @Jacinto, tentei achar beque em inglês porque supus que o português beque fosse uma versão corrupta duma gíria em inglês semelhante. Eu tentei responder à diferença de pronúncia entre o inglês beak e o português beque dizendo que é comum um brasileiro pronunciar uma palavra em inglês errado, baseando-se na escrita dela. Ainda, se eu tivesse que falar a palavra beak e não soubesse inglês, diria como béaque ou béque.
    – Schilive
    Commented Jul 5, 2022 at 12:48
  • Eu acabei por ver que era essa a tua ideia, mas ao fim do 1º parágrafo da "Incerteza" eu estava a coçar a cabeça. Dizes que procuraste "beque" e encontraste. Depois começas a falar em "beak"... E só depois de ir ver o que estava naqueles links (e eu prefiro ler a resposta sem ter de ir ao link) é que vi o que o que tu encontraste não foi "beque" mas sim "beak". E por que razão havia "beque" de vir de "beak" e não, como sugerido na pergunta, de "backwoods blunt", que, tanto quanto compreendo, é mais ou menos o mesmo que um beque?
    – Jacinto
    Commented Jul 5, 2022 at 17:55
  • @Jacinto, isso eu não sei, mas a transformação de beak para beque me parece mais suave do que a de backwoods blunt para beque, ao menos que back possa ser redução da gíria inglesa. Para isso seria bom ver as primeiras ocorrências de beque e variações em português, o que eu não fiz.
    – Schilive
    Commented Jul 5, 2022 at 18:04

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service and acknowledge you have read our privacy policy.

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.