10

After some research, I've found an example at Wikipedia: O fenômeno dos "phrasal verbs" também ocorre na língua portuguesa. Contudo, não é muito comum. É mais encontrado no português coloquial falado no Brasil e não deve ser utilizado em contextos formais. Exemplos: "Não quero mais saber de você! Cai fora!" (cair fora = sair, retirar-se); ...


9

English phrasal verbs are combinations of verbs and prepositions where the meaning of the expressions as a whole cannot be completely understood just from the meaning of the individual parts. Syntactically, there are only minor differences between phrasal verbs and actual combinations of verbs and prepositions, it's more of a semantic concept, with a lot of ...


9

A conjugação verbal do modo imperativo no português moderno, às vezes, incomoda quem conhece a gramática tradicional, principalmente quanto se trata do uso de tu e você. Por exemplo: lê ou leia? Você quer saber bem o assunto, então leia este livro. Usou o tratamento você (3.ª pessoa) e o verbo ler ficou leia (3.ª pessoa do modo imperativo). Houve ...


7

Pode sim usar-se essa forma e é correta. No Brasil tanto se usa aceitas como aceitos, por exemplo: As respostas aceitas como certas. ou Ambos os termos são aceitos na língua portuguesa. Usa-se a concordância com o sujeito masculino e feminino. Em Portugal usa-se aceite para os dois casos, masculino e feminino, por exemplo: As respostas aceites ...


5

De acordo com a dúvida linguística "aceitado, aceite e aceito [Flexão verbal]" no FLiP, a forma "aceito" é válida mas mais comum no Brasil: Para além das formas aceitado e aceite, o verbo aceitar admite ainda aceito como forma irregular do particípio passado, apesar de esta forma ser mais usada no português do Brasil (ex.: as nossas propostas foram ...


5

RESPOSTA CURTA This is a heck of a troublesome question! Eis dois exemplos típicos de voz passiva analítica (VPA) e voz passiva sintética (VPS, nome mais usual do que voz passiva reflexa): (VPA) Estas casas todas que estão a ver foram construídas na última década. (VPS) Construíram-se trezentas mil casas na última década. Nem todos os usos seguem este ...


4

Well, “analisou-se as relações” means that someone analysed the relations, so “an analysis” of the relations was indeed carried out. So it is a free translation, but a correct one. Now, analisou-se as relações is not a passive form. There is a similar passive form―analisou-se a relação or analisaram-se as relações, where the verb agrees in number with the ...


4

Como foi dito nos comentários, o gerúndio e o particípio são formas nominais do verbo. As formas nominais do verbo não flexionam em número, pessoa, voz, aspecto, modo, tempo. Por não terem flexão, têm uma unica forma. O gerúndio e o particípio são relativamente mais fáceis de usar, porque dispensam saber as variações da flexão verbal. Pode comparar a ...


4

Phrasal verbs in English are one verb plus one preposition (sometimes an adverb) that together form a single unit of meaning: go out come back sit up find out In Portuguese some verbs are followed by a preposition but the combination of the preposition and the verb on their own have no meaning. Ele foi de pirata. IR DE is not a single meaning. There has ...


4

Em primeiro lugar, as tuas frases 2. e 3. não são completamente análogas: 2a. Essas palavras foram ditas para animar-nos. 2b. Disseram-se essas palavras para animar-nos. A palavra no início da frase tem um maior ênfase, portanto em (2a) o foco está mais nas palavras, enquanto em (2b) no ato de dizê-las. Em ambos os casos se pode alterar a ordem: 2c. ...


3

No Brasil usamos "aceitado" preferencialmente após o verbo "ter" "Ele já tinha aceitado a proposta quando..." Usamos "aceito" como adjetivo - "É uma forma ortográfica aceita até os dias de hoje." Aceito também é o verbo aceitar conjugado na primeira pessoa do singular do presente do indicativo. "Eu aceito a tua opinião." "aceite", no Brasil, é o verbo ...


1

Of course there are phrasal verbs in Portuguese. Some examples (not slang nor informal): fazer de: means to pretend to be (someone or something) - playing a role deixar de: means to stop (doing something) passar por: means to pretend to be (someone) correr com: means to expel (someone) dar com: means to find (não) dar por: means (not) to notice and so on.....


Only top voted, non community-wiki answers of a minimum length are eligible