We changed our privacy policy. Read more.
17

The black panther translates as "pantera negra". Certain uses of "preto" and "negro" are idiomatic. There are no rules and one has to learn them. a pantera negra está ameaçada de extinção. tu és minha asa-negra, estás sempre a dificultar tudo para mim. nuvens negras no céu são um prenúncio de temporal. o quadro-negro na sala de aula. a nação rubro-...


13

Os adjetivos podem ser colocadas antes ou depois do substantivo. Pegando no exemplo the old, red, rusty car todas estas formas são corretas: o velho e enferrujado carro vermelho. o velho carro vermelho e enferrujado. o carro vermelho, velho e enferrujado. No entanto há formas que, ou não se aplicam, soam mal, ou poderão ter significado ...


12

Tal como você disse, a posição normal do adjetivo na língua portuguesa é à direita do substantivo, no entanto há casos em que a posição usada, na colocação de adjetivos qualificativos, altera a forma como interpretamos a frase: A sequência normal SUBSTANTIVO + ADJECTIVO dá a noção de que o adjectivo possui valor objectivo: noite escura dia triste rapaz bom ...


10

Eu diria que aquilo que dá ânsia de vômito é nauseante, considerando náusea como "desejo ou ânsia de vômito; enjoo" (terceira definição do Google através da palavra reservada define). O priberam diz que nauseabundo é "Nojento ou repugnante a ponto de causar náuseas", e traz nauseante e nauseativo como sinônimos. Veja o primeiro significado de nauseante ...


9

I don't have the right personal experience to comment on the animal vs. human, or rude vs. polite distinctions.* But you probably can't go wrong with Pantera Negra, because this is how whoever originally translated the name of the Black Panther Party translated Black. In Portuguese, they're o Partido dos Panteras Negras, or "os Panteras Negras" for short. ...


9

Em Português, os adjetivos objectivos são colocado depois os substantivos (...) É a posição mais frequente -- quase a única na escrita técnica --, mas nem sempre ficam nesse lugar, especialmente na linguagem poética. Ver, por exemplo, a questão Quando usar o adjetivo antes do substantivo? e suas respostas (1 e 2). No caso de dois adjectivos, estes ligam-se ...


8

Tal como referiu someonewithpc em inglês as frases que acompanham estas imagens ou memes são geralmente denominadas de caption que pode ser traduzida como legenda, etiqueta, título ou subtítulo. De uma forma mais geral, eu chamá-los-ia de 'Provérbios' ou 'Dizeres Populares', 'Máximas', "Frases Feitas" ou até 'Inspirações' ou 'Frases Inspiradoras'. Se se ...


6

Já tem uma reposta, que explica a distinção objetivo–subjetivo, que funciona bem como regra geral [subst] [adj] é "objetivo" [adj] [subst] é "subjetivo" Mas têm alguns adjetivos em que nenhuma das opções seria considerada "subjetiva": antigo meu antigo rádio ↔ meu rádio antigo ambos são fatos "objetivos" certa uma ...


6

It could have been called pantera preta. After all, we generally say that a cat is preto, because preto is the most common word when describing the color. On the other hand, negro is more used in other senses, which tend to be of a more evaluative nature: in some set expressions, like lista negra, viúva negra; to mean something close to sad/adverse, like in ...


6

Tentei procurar mente aberta pelo termo em inglês open-minded em alguns dicionários para averiguar se encontrava um adjetivo adequado, então vi o termo approachable que pode ser entendido como receptivo em português. Segundo o aulete receptivo é um adjetivo: Propenso a ou capaz de receber, aceitar bem estímulos, ou opiniões, sugestões. Seguindo ...


6

Formalmente eu chamaria de nauseante ou repugnante. Informalmente eu chamaria de nojento "Fiquei com ânsia de vômito por que achei aquilo nojento" "Fiquei com ânsia de vômito por que achei aquilo repugnante" "Achei aquilo nauseante, quase tive ânsia de vômito"


5

The main difference in the meaning of the two words is the fourth item in the definition you have: 4.Que obtém resultados ou tem o funcionamento esperado com uma maior economia de recursos e/ou tempo (ex.: o equipamento da fábrica é eficaz, mas pouco eficiente porque gasta muita energia). When a native speaker says "eficiente", they usually refer not ...


5

«Preto» is objective and prosaic, «negro» is subjective and poetic. This is just a rule of thumb, as language isn’t exactly black and white (pun intended) :) If something is indeed of the colour black, you tend to say «preto». A black car = «um carro preto» If you are being very matter-of-fact, you say «preto». The situation is bad = «A coisa tá preta» If ...


5

Eu não tenho conhecimento da existência de regra sobre esse assunto, e a posição que vou assumir baseia-se apenas na minha intuição enquanto falante nativo: leite em pó desnatado ou leite desnatado em pó são igualmente corretos. a escolha entre um e outro depende da maneira como o falante, quase de certeza sem se dar conta, classifica mentalmente as coisas. ...


5

Neste caso o correto é leite em pó desnatado, e porquê? Porque leite em pó é o substantivo e desnatado o adjetivo que o caracteriza. Podes ter o leite em pó (com natas) e o leite em pó (sem natas, ou seja, desnatado) mas o que é importante é que é leite em pó. Tens vários exemplos de leite em pó: leite em pó magro leite em pó meio-gordo leite em pó gordo ...


5

As respostas dadas até agora acertam um pouco ao lado. A principal característica da posição pré-nominal dos ajetivos em função atributiva é o facto de que, nessa posição, o adjetivo tem sempre uma leitura não restritiva. Baseei a minha resposta na Gramática do Português da Gulbenkian (2013). Recomendo a leitura do capítulo referente aos adjetivos (cap. 31); ...


4

O dicionário Aulete digital permite uma distinção clara entre atraente, que inclui o significado de bonito, vistoso, e atrativo, que não inclui esse significado. O Dicionário da Academia das Ciências de Lisboa apresenta um quadro um pouco menos claro: Atrativo (1) Que tem a propriedade de fazer vir até si, de puxar para si; que atrai. Esfera atrativa. (2) ...


4

De facto, ambas podem ser adjetivos sinónimos. O Aulete Digital lista para atraente: Que desperta o interesse (proposta atraente). E para atrativo: Que atrai, que desperta interesse (preço atrativo); ATRAENTE No entanto, nas frases que dás como exemplo no fim, atraente é de facto a única palavra possível. Este é o sentido 1. do Aulete: ...


4

"embaixo é um advérbio e "em baixo" é uma preposição + adjetivo. No Brasil não usamos a locução adverbial "em baixo". "Ele se escondeu embaixo da cama." "O açúcar está no armário embaixo da pia." "Tu poderias ouvir essa música em baixo som?" "Ele falava em baixo calão".


4

O Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (do Brasil) registra "erva-mate". "Mate", de acordo com a Wikipedia (em inglês) "deriva do termo quéchua mati, que designa o recipiente onde é bebido o chimarrão." "Mate" também é sinônimo de "erva-mate". Assim sendo, entendo que "erva-mate" é um substantivo composto por justasposição de dois substantivos.


3

Um indivíduo que é (ou tem) a mente aberta, é livre de preconceitos, capaz de ouvir opiniões contrárias às suas e avaliar se as aceita ou não. Para tanto, ele deve ser "despreconceituoso" e "racional" despreconceituoso - "que não tem ou não demonstra preconceitos." racional -"aquele que pensa, raciocina, que age segundo a ...


3

Independente de regras gramaticais, certas expressões consagradas pelo uso popular tornam-se expressões fixas, i.e., seqüências de palavras memorizadas em bloco, e não há como mudá-las. Nesses casos, já não importa mais se o adjetivo deveria vir antes ou depois, ou se fere alguma regra gramatical. São exemplos de expressões fixas: por o preto no branco, ...


3

Eu tenho a sensação de que existe sim uma diferença de significado entre as duas variações no Brasil, e que por isso mesmo "novo lançamento" é muito mais ouvido que "lançamento novo". Eu vejo um deslocamento do sentido do adjetivo quando ele vem antes do substantivo a que se refere. Compare, por exemplo, um novo homem e um homem novo. A diferença de ...


3

É decomponível basicamente porque se formou a partir do latim componĕre. Isto e tudo o que se segue é baseado no dicionário Houaiss (Lisboa, 2002). O latim tinha todos estes verbos, ponĕre, componĕre, proponĕre, imponĕre, etc., que na evolução para o português perderam o -n-, por vezes nasalando a vogal anterior. De maneira que encontramos nos séculos XIII ...


3

Pequeno Vou deixar o branco de fora para simplificar. Dizes: O cachorro pequeno para o distinguires de outros cachorros que são maiores. Por exemplo, estão dois cachorros no jardim, e um é maior que o outro. Então tu dizes o cachorro pequeno para eu saber de qual cachorro estás a falar. é uma forma neutra e desapaixonada de falar. O pequeno cachorro para ...


2

Português (in English below) Embora a expressão tempo o suficiente me soe estranha, a verdade é que a encontramos em muitos livros, todos recentes, e parece-me que publicados no Brasil. Também encontrei dinheiro o suficiente, espaço o suficiente, etc.. O o não faz nada: em todos os exemplos que vi tempo o suficiente poderia ser substituído por tempo ...


2

The short answer is that it has both; it just depends how you use them. This is a somewhat broad topic with lots of regional variation. Because I'm not sure where you are in your studies, I will answer with just an abbreviated outline that I hope will help you as an English speaker learning Portuguese. Portuguese has both personal pronouns (like the word ...


2

As a native speaker, I would always use "eficiente" to qualify a person and/or her work. I'd use "eficaz" to qualify for example the effect of a drug in curing a disease.


2

"Precoce" seria a palavra indicada, embora tenha a conotação de algo que acontece antes do tempo "certo". Talvez "temprano" apesar do sabor arcaizante e de ser espanholismo (a forma propriamente portuguesa temporã(o) soa coloquial demais). Ou podes talvez usar "recuado/a": A ocorrência mais recuada que encontrei.


Only top voted, non community-wiki answers of a minimum length are eligible