2

Quando eu estava a estudar os modos verbais, apercebi-me que o uso do pretérito perfeito composto do conjuntivo pode ser facilmente confundido com o uso daquele imperfeito. Eu já sei que o imperfeito do conjuntivo se refere a ações presentes inconcretizáveis. Mas já que as expressões que lhe determinam o uso são quase as mesmas do imperfeito, deparo-me com tanta confusão quando o pretérito perfeito se utiliza com a conjunção "embora", por exemplo.

Qual é a diferença entre os exemplos abaixo, de uma perspetiva temporal?

"Embora estivesse doente, fui trabalhar." "Embora ele já tenha saído há muito tempo, ainda não chegou a casa."

Grato antecipadamente.

0

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service and acknowledge you have read our privacy policy.

Browse other questions tagged or ask your own question.