5

Em português formal, diz-se corretamente "guloso de (algo)" ou "guloso por (algo)"? Ou ambas as formas estão corretas?

Trata-se da tradução de uma frase que constitui a descrição do bombardeio de Orléans em 1940, tal qual pensada por Louis-Ferdinand Céline em "Guignol's Band I" (1944): "... serpents sifflants accolés de crapauds, bouffis, de lèpre, juteux, jaunes à vernis, suçons goulus de salamandres, vampires repoussants au corps des damnés..." (CÉLINE, 1951, p. 23).

9
  • 2
    Podes fornecer uma frase? Isso melhoraria a pergunta. – ANeves thinks SE is evil Jun 30 at 20:02
  • Obrigado pela sugestão. Trata-se de uma tradução. A frase em francês é: "goulus de salamandres". Em português seria "gulosos de/por salamandras" ? – ovide Jun 30 at 20:04
  • Ótimo você já ter colocado a frase, AFM, seria possível também mencionar a fonte ou o contexto? Pergunto porque os dicionários indicam que "goulus" também poderia ser "gananciosos". – stafusa Jun 30 at 20:28
  • 1
    Trata-se da descrição do bombardeio de Orléans em 1940, feita por Louis-Ferdinand Céline em "Guignol's Band I" (1944): "... serpents sifflants accolés de crapauds, bouffis, de lèpre, juteux, jaunes à vernis, suçons goulus de salamandres, vampires repoussants au corps des damnés..." (CÉLINE, 1951, p. 23). – ovide Jun 30 at 20:34
  • 1
    Assumindo que dizes, por certo, “guloso”, então, garanto que podes usar “de” (aulete.com.br/guloso, aulete.com.br/gula e exemplos em dicionario.priberam.org/guloso), como em "ela é gulosa de falar mal dos outros". Eu acho que "por" pode ser usado, mas me parece haver alguma diferença entre "ela é gulosa de falar mal dos outros" e "ela é guloso por falar mal dos outros", porém, não sei qual é; uma diferença sutil. – Schilive Jun 30 at 20:49
7

"Guloso" raramente recebe complemento, pelo menos hoje em dia1 e especialmente em pt-BR.

Sua regência não é especificada em nenhum dos dicionários que chequei e não consta em nenhuma lista de regências nominais que pude encontrar.

Também o Corpus do Português, excetuando os hits irrelevantes, i.e., que não têm relação com a regência de "guloso" (como, e.g., "O cão é guloso por natureza" e "O kit de manicure mais guloso de sempre"), retorna um só resultado para "guloso por" ("o Estado atual guloso por regulamentações") e dois ou três para "guloso de" (ex.: "guloso de pitéu feminino"). Schilive menciona mais um exemplo, de um blog, "um guloso de iguarias doces" e buscadores retornam uns poucos mais com "por", particularmente de descrições de vídeos pornográficos — mas o conjunto de exemplos permanece de qualidade duvidosa, reduzido demais e, portanto, inconclusivo.

Assim, eu evitaria a construção "guloso + [complemento]", mas, se utilizada, provavelmente qualquer das preposições seria aceitável, embora, por analogia com "fome", "de" talvez seja preferível a "por".

Com relação a frase específica da pergunta (sem saber francês, mas consultando dicionários e tradutores automáticos), imagino que talvez goulu possa ter na frase um sentido melhor capturado por uma palavra como "ávido" (+ "de" ou "por" [1], [2]), e me pergunto se não seria possível que a frase "suçons goulus de salamandres" significa na verdade algo como "sugadas/chupadas gulosas/ávidas de salamandras", ou seja, se o "de salamandres" não poderia se referir aos "suçons" e não a "goulus". Mas claro que não passa de especulação de pouco fundamento.

1 Como o Jacinto aponta nos comentários, o Google Books retorna vários livros com "guloso por", especialmente na fala informal ou textos mais antigos e também em pt-PT.

9
  • Obrigado pela excelente resposta. Gosto da sua interpretação da frase. Esclarece finalmente, para mim, a relação entre "suçon" e "salamandre". Essa parte do texto me era especialmente penosa a compreender. – ovide Jun 30 at 22:09
  • 3
    @AFM O prazer é meu. Se me permite sugerir, penso que incluir o teu comentário com a frase completa e fonte na própria pergunta (comentários podem ser apagados no futuro) seria uma boa ideia. – stafusa Jun 30 at 22:14
  • 2
    @ovide e sô moderador (parabéns), guloso por é comum em Portugal, e procurando diretamente no Google Books rapidamente encontrei mais de 20 resultados: guloso por doces, sorvete, saltões e gafanhotos, dinheiro, bytes; guloso por consumá-la, saber, me ouvir... Também encontro na imprensa brasileira. Guloso de não se ouve por cá, mas encontra-se também no Google Books. Talvez tenha sido mais comum no passado: há exemplos do uso no passado da preposição de onde hoje só se usaria por: >> – Jacinto 2 days ago
  • 1
    >> "obrigado do grande festejo com que os Judeos o receberaõ" (1760); "contente de ver que a dama o manda" (Camões). Concordo com a interpretação do Stafusa: as salamandas fizeram chupões gulosos (chuparam com gula), não são os chupões que são gulosos por salamandras. – Jacinto 2 days ago
  • 1
    @Jacinto, pelo menos no Brasil, se usa "contente de", como "estou contente de te ver sorrindo". Em Portugal não se usa? – Schilive 2 days ago

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.