0

Não estou entendo a diferença entre por muito que e por mais que, embora tenha procurado sobre isso e visto alguns exemplos.

Ou seja, os seguintes exemplos têm o mesmo sentido:

Por muito que me peça, não vou mudar a minha decisão.

Por mais que me peça, não vou mudar a minha decisão.

Por mais dinheiro que me ofereçam, não vendo a casa.

Por muito dinheiro que me ofereçam, não vendo a casa.

Por muitos anos que viva, nunca vai gastar toda a sua fortuna.

Por mais anos que viva, nunca vai gastar toda a sua fortuna.

Obrigado!

2
  • São sinónimos, creio eu, mas “por mais que” é mais comum, pela minha experiência. Para mim, “por mais que me peça, não mudarei” parece que o falante não mudará independentemente de quanto o peçam para mudar. “Por muito que me peça, não mudarei” parece ter dois significados: igual a “nem por muito que me peça”, equivalente a “por muito que […]”; se lhe for pedido muito, ele não mudará. Para mim, “por muito que” é mais fraco; se alguém lhe pedir muitíssimo, talvez ele mude. “Nem por muito que” já tem a mesma forma de “por mais que”. Esta é apenas a minha impressão, logo posso estar errado. – user4788 Nov 13 '20 at 20:50
  • Nunca escutei nem li 'por muito que' no sentido de 'por mais que'. Na frase dos anos e da fortuna, a primeira estrutura possui uma semântica bem distinta da segunda. – user8734 Nov 17 '20 at 12:08

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Browse other questions tagged or ask your own question.