7

Recentemente estive pensando sobre o uso de gentílicos em diferentes idiomas. Me chamou atenção que o gentílico russo parece ter seu significado associado a ações extremas ou arriscadas no idioma português. Cito como exemplo as expressões montanha-russa e a roleta-russa. Estranhamente em inglês usa-se roller coaster para montanha russa, o que dá a entender que este uso é próprio do idioma português. Usando um tradutor automático, fiquei com a impressão de que outros idiomas latinos usam expressões semelhantes, enquanto que anglo-saxônicos não. Sobre roleta russa, parece ser uma expressão de uso geral.

Enfim, gostaria de saber qual a origem do uso de russo/a na língua portuguesa? É uma percepção tão somente minha que o uso de russo tenha conotação extrema/arriscada ou existem outros usos que contrariem esta lógica?

  • 1
    Dois exemplos não sempre fazem um padrão. Tem mais? – Dan Getz Jul 27 '15 at 16:57
  • @DanGetz não. Mas também não tenho nenhum contrário. – gmauch Jul 27 '15 at 17:03
  • @DanGetz e gmauch vejam a minha resposta tem um exemplo contrário. – Jorge B. Jul 27 '15 at 17:04
  • Por causa da guerra-fria provavelmente os EUA não quiseram adotar a referência. – André Lyra Jan 18 '16 at 12:04
11

Essa duas palavras nasceram, não por ser arriscado, mas sim por terem sido criações (ou supostas criações) Russas. Temos também outro exemplo a salada-russa que nada tem a ver com a conotação extrema/arriscada.

salada-russa

Foi inventada nos anos 1860 por Lucien Olivier, chef do famoso restaurante Hermitage situado na praça Trubnaia, em Moscovo. Este prato tornou-se muito popular pelos frequentadores do local e a sua fama se estendeu.

montanha-russa

As mais antigas montanhas-russas descendem da Rússia. Os passeios de trenó no inverno prendiam-se em montes especialmente construídos no gelo, principalmente em torno de São Petersburgo. Foram construídas de 20 a 24 metros de altura e consistiam em uma queda de 50º.

roleta-russa

Existem inúmeras lendas a respeito da invenção da roleta russa. Muitas delas, presumivelmente, apontam para a Rússia, ou ocorre entre soldados russos. Em uma das lendas, prisioneiros russos do Século XIX seriam forçados a jogar enquanto os guardas cuidavam das consequências. Em outra versão, oficiais desesperados e suicidas do exército russo jogavam para impressionarem uns aos outros.

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.