3

Eu fui perguntado uma vez em Portugal "Vais de Porto Alegre?" pela agente de imigração. Eu (brasileiro) normalmente perguntaria "Vens de Porto Alegre?". Está correto usar o verbo "ir" usando a preposição "de"?

  • vir de algum lugar: vir. Vens de Porto Alegre? Alguém está confundindo vir e ir. :) Vais a lum lugar [do verbo ir] Vais para o Brasil? [verbo ir] – Lambie Jun 14 at 19:07
  • 2
    Gabriel, quão familiarizado estás tu com o sotaque de Portugal? Pergunto-me se terás ouvido bem. No sotaque de grande parte de Portugal, incluindo Lisboa, vens soa como vães (rima com mães), e os nossos sons nasais não são "tão nasais" como no Brasil. Daí ele poder ter dito vens com pronúncia vães, com nasalação inferior à normal do Brasil, e tu perceberes vais. Seria possível? Também me surpreende ele ter-te tratado por tu numa situação profissional. És muito novinho? – Jacinto Jun 14 at 21:41
  • @Jacinto na ocasião eu tinha 26 anos. Eu viajo para Portugal com uma certa frequência, porém não tenho tanta familiaridade com o Português de Portugal. Acredito que o sotaque é que deve ter me confundido. Se ela disse "vens" como "vães" mais a típica "desnasalisação" portuguesa, deve ter soado mesmo como "vais" para mim. – Gabriel Diego Jun 15 at 20:16
  • @Jacinto Poderia pra escrever o seu comentário como resposta pra mim poder aceitar ela? – Gabriel Diego Jun 15 at 20:17
  • 1
    @GabrielDiego Não leve a mal, não gosto de apontar erros em comentários, mesmo porque meu português também não é lá essas coisas. Mas "pra mim poder aceitar ela" dói nos ouvidos. – Centaurus Jun 16 at 22:25
6

Vais de (algum lugar) até é possível, mas não na situação descrita. Creio que neste aspeto nem haverá diferença entre Portugal e Brasil. Imagina que a Ana sabe que o Beto viaja frequentemente entre Lisboa e Porto:

Beto: Vou a Londres no mês que vem.
Ana: Ah, vais de Lisboa ou do Porto?

Outra possibilidade:

Vais de Lisboa ao Porto em duas horas, na boa. (= é possível ir de Lisboa ao Porto em duas horas.)

Mas nada disto se aplica à tua situação, em que a única coisa que eu esperaria, aqui em Portugal, é vens de Porto Alegre? Ou melhor, de um agente do Estado dirigindo-se profissionalmente a um adulto, esperaria vem de Porto Alegre?

Agora, o senhor pode ter resolvido inventar. Ou pode ter-se atrapalhado: por exemplo, entre um vais seguir para outro destino? ou coisa assim e um vens de Porto Alegre? ter saído vais de Porto Alegre? Haverá sempre a possibilidade de ele ter dito vens ou vem, e tu teres ouvido vais por falta de familiaridade com o nosso sotaque. Nomeadamente, na região de Lisboa, vem é normalmente pronunciado como vãe; aliás, em fim de palavra, qualquer -em é pronunciado como -ãe (vê esta pergunta). E já li algures, mas não consigo localizar agora, que a nasalidade do português europeu é menos forte que a do brasileiro. Estes dois aspetos ajudariam a que um vens dum lisboeta chegasse vais aos ouvidos dum brasileiro pouco acostumado ao sotaque de Lisboa. Para ver se isto tem alguma razoabilidade, podes ouvir no Forvo portugueses a pronunciar vem, bem, também, eu também. Também tens um alguém e meu bem na canção amar pelos dois e uma porção de palavras terminadas em em no telemóveis

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.