2

Como saber quando utilizar esses sinais de pontuação?

1

Esse artigo tem uma boa explicação sobre o uso dos dois tipos de pontuação. Concordo que atualmente, são raras as situações que usamos o ponto e virgula.

Segue o texto:

Veja a diferença entre os dois recursos

Já aconteceu de você escrever um texto e ficar em dúvida se deveria ter uma vírgula ou um ponto e vírgula? As duas pontuações devem ser usadas em momentos diferentes.

“O ponto e vírgula muitas vezes é ignorado, as pessoas não têm mais o hábito de utilizá-lo. Já a vírgula é imprescindível”, afirma a professora Priscila Câmara, de Gramática e Interpretação de Texto.

Para entender certinho quando você deve usar cada um dos recursos, confira a explicação da prof. Priscila:

Vírgula

A vírgula é um recurso que ajuda na clareza e ritmo do texto. Quando nós a utilizamos, a nossa entonação fica diferente, pois inserimos algumas pausas.

Há muitas regras de utilização de vírgula. As principais situações que devemos usar são:

  1. Enumeração Ex: Eu tenho aula de português, matemática e ciências.

A vírgula permitiu a separação e enumeração de cada matéria.

  1. Separar vocativos Ex: A lição que você não fez, Felipe, vale nota.

Vocativo é quando a gente invoca e cita alguém. Ele deve ser sempre isolado por vírgulas.

  1. Separar aposto Ex: No sábado, dia que não tem aula, vou para a praia.

Temos um aposto quando nós trazemos uma observação ou uma explicação sobre o que foi dito anteriormente. Ele também ficará isolado por vírgulas.

  1. Antes de conjunções coordenativas Ex: mas, porém, pois, contudo, entretanto, logo, então…

Vamos usar a vírgula sempre que tivermos uma oração coordenada aditiva, adversativa, conclusiva e etc. Existem duas exceções para essa regra: a vírgula não deve anteceder as conjunções “e” e “nem”.

  1. Indicar omissão de alguma palavra Ex: Carmem ficou alegre; eu, triste.

Pensando apenas na vírgula da frase anterior, podemos perceber que ela tem a função de substituir o termo “fiquei”.

Ponto e vírgula

Já o ponto e vírgula deve ser usado em outras situações. Pegando ainda o exemplo anterior “Carmem ficou alegre; eu, triste”, nós percebemos que há o paralelismo na frase. Nós usamos o ponto e a vírgula para separar contrastes.

Ele também vai ser utilizado em comparações. Por exemplo: “A França com vinhos e perfumes; a Inglaterra com tecidos e carvão”.

O terceiro caso que devemos usar o ponto e vírgula é quando temos diversos tópicos e precisamos fazer a separação dos itens. Isso costuma aparecer também em seminários, por exemplo.

Os alunos precisarão de:

lápis; borracha; caneta azul; caderno.

Fonte: Stoodi

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy