5

Sempre achei que "parecido a" estava errado, mas recentemente encontrei esta página no Ciberdúvidas da Língua Portuguesa que diz:

Com o adjectivo parecido, pode-se usar com e a (...). Porém, o uso indica que parecido com se usa mais do que parecido a (...).

No entanto, esta outra página no mesmo site indica, pelo contrário, que "parecido com" é a forma correcta da expressão.

Existem fontes mais conclusivas — e que não dêem uma no cravo e outra na ferradura! — que indiquem qual a forma correcta, ou se estão de facto as duas correctas?

  • 1
    Note-se que o artigo do ciberdúvidas que diz que se podem usar ambos também diz que "parecido a" aparece apenas 3 vezes no Corpus do Português (vs 49 de "com"), e «apenas nos contextos em português do Brasil». – ANeves thinks SE is evil Dec 19 '17 at 14:52
  • Não me importa muito o quanto uma das expressões é mais usada do que a outra, mas antes se estão ambas correctas ou não... para ver se não ando a corrigir pessoas erroneamente :P – JNat Dec 19 '17 at 14:59
  • Nunca li nem ouvi alguém usar "parecido a". Soa tão estranho que eu teria percebido. – Centaurus Dec 19 '17 at 19:10
  • Será que alguém poderia me explicar porque se sai algo no Ciberdúvidas e no Priberam, como pode haver dúvida? É preciso tanta "algazarra"? :) – Lambie Dec 19 '17 at 20:16
  • A dúvida, @Lambie, é que o Ciberdúvidas parece ter informações que discordam uma da outra... – JNat Dec 20 '17 at 10:28
4

Acredito que ambas formas estão corretas.

O site Flip - Dúvida Linguística, demostra duas corretas, inclusive cita o Dicionário de Regimes de Substantivos e Adjetivos de Fernandes Francisco (que não tenho acesso).

Diz-se parecido a ou parecido com? Por exemplo, parecido ao Pai ou parecido com o Pai? Ambas as formas estão correctas? Armando Duarte (Portugal)

O adjectivo parecido pode ser regido, tal como o verbo parecer de que deriva, pelas preposições a e com. Assim, ambas as expressões que refere estão correctas, assim como correctas estão as frases parece-se ao pai e parece-se com o pai.

Bibliografia: Francisco FERNANDES, Dicionário de Regimes de Substantivos e Adjetivos, São Paulo, Editora Globo, 1948, p. 286.

Achei também no site Linguagista, fazendo uma correção com vários trechos, dizendo que ambas formas estão corretas.

Só ontem me disseram: no programa Pontapés na Gramática, na Antena 3, Sandra Duarte Tavares, a 5 de Novembro passado, afirmou: «A explicação é breve, concisa, objectiva, como nós gostamos aqui no nosso Pontapés na Gramática, e diz assim: o adjectivo parecido rege, ou seja, é acompanhado da preposição com e não da preposição a. O adjectivo que gosta da preposição a é o adjectivo semelhante. “X é semelhante a x”, “x é parecido com y”. E por causa do semelhante, por contaminação do semelhante há tendência para dizermos “parecido a”. Não se esqueçam, queridos ouvintes, de que o adjectivo parecido pede, é acompanhado da preposição com.» Joana Dias ainda voltou a perguntar-lhe se não se podia mesmo usar a construção parecido a. «De todo. Não, não, não. De todo. É um erro sintáctico.»

Pena é que esta lição não tenha efeitos retroactivos. Veja aqui os alunos que aproveitariam dela:

«Por esta causa Henrique Harfio, Varão iluminado, e um dos Doutores mysticos, e espirituaes da primeira classe, tratando dos actos anagogicos do amor Divino, ou jaculatorias abrazadas, adverte que pode este exercicio ser puramente natural, e por elle adquirir-se hum amor muy parecido ao Divino, porém que realmente o não seja; antes que pôde com elle a Alma andar em estado de condenação» (Luz e Calor, P.e Manuel Bernardes).

No dicionário Priberam, também é possível encontrar as duas formas.

  1. Assemelhar-se, ser conforme (ex.: ele parece-se com o pai; esta música parece-se a outra que já ouvi).
| improve this answer | |
  • Eu gosto mais dos exemplos do Padre António Vieira e do Bocage, por os achar mais conhecidos. – ANeves thinks SE is evil Dec 19 '17 at 17:01
  • "Parecido com o Divino" soa como "parecido com uma pessoa chamada Divino"; talvez daí a mudança na regência. Ou talvez se deva à elisão ("parecido ao [amor] Divino")? – Luís Henrique Jan 11 '18 at 0:16

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.