5

Frequentemente ouço alguém (até mesmo eu) usando a expressão "todo dia" ao invés de "todos os dias", como nos exemplos abaixo copiados da web.

  • "... nosso almoço de todo dia."
  • "receitas para todo dia"
  • "Isso é algo que eu faço todo dia"
  • "Eu não sabia que ... podia fazer interurbano todo dia e ...ficar na internet até de madrugada."
  • "Eu sofro bullying todo dia."
  • "...alguma recreação ao ar livre, mesmo que não fosse todo dia."

É uma forma correta, tanto na língua escrita quanto falada?

2
  • Um exemplo: "Eu programei todo o dia." seria o mesmo que "Eu programei o dia inteiro". No Brasil "todo o dia" é sinônimo de o "dia inteiro" ou "o dia todo" e isso é diferente de "todos os dias" que pode significar os dias da semana. E no Brasil "todo o" é igual "inteiro" e "todo" sem artigo é igual "cada dia". Veja mais aqui. – gato Nov 18 '17 at 17:03
  • @gato Nem sempre "todo dia" e "cada dia" são intercambiáveis. A pergunta é sobre "todo dia" com o significado de "todos os dias". – Centaurus Nov 18 '17 at 23:08
5

É corretíssimo. Todo diatodo o dia em Portugal—é usado com o significado de ‘todos os dias, cada dia’ há séculos. Pelo menos desde o século XIII segundo o dicionário Houaiss (Lisboa, 2002), cujas partes relevantes cito, desenvolvendo algumas abreviaturas; a aceção relevante é a segunda:

todo /ô/ adjetivo (sXIII cf. FichIVPM) 1 a que não falta nenhuma parte; inteiro completo, total <todo o dia foi de chuva> <toda a família se reuniu ali> ■ pronome indefinido 2 (século XIII) qualquer, seja qual for; cada <todo o cidadão tem direitos e deveres> […] GRAMÁTICA […] b) é de se notar a diferença, especialmente na norma brasileira, entre todo o e todo, respectivamente, acepções 1 e 2: todo o dia ( = o dia inteiro) foi de chuva; todo cidadão ( = qualquer cidadão) tem direitos e deveres (mas aqui, tratando-se do plural, é obrigatório o uso do artigo: todos os cidadãos têm direitos…); na norma europeia, o artigo é geralmente usado em ambos os casos

Este uso é análogo ao de muito dia com o significado ‘muitos dias’—passei muito dia sem comer—objeto desta pergunta e desta outra ou ainda ao de tanto dia com o significado de ‘tantos dias’. Como já se viu no Houaiss, este uso aplica-se em princípio a qualquer nome contável:

Todo (o) cidadão tem direitos e deveres.

Todo (o) casal precisa de privacidade.

Toda (a) criança tem direito à educação.

Ao que parece, no português antigo usava-se a expressão indiferentemente com e sem artigo. Ver este extensíssimo artigo sobre o assunto no Gramaticalhas. Mas parece que o uso sem artigo, distinguindo todo dia (‘todos os dias’) e todo o dia (‘dia inteiro’), já foi recomendado no século XVI por Damião de Gois. Parece ter sido também a opção de Luís de Camões (Os Lusíadas, Canto I, 2ª estrofe, 1572):

[…] Cantado espalharey por toda parte,
Se a tanto me ajudar o engenho & arte.

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.