5

Qual a palavra correta, encriptar ou criptografar?

Além disso: descriptografar, decriptar, descriptar ou desencriptar?

Sempre que preciso utilizar essas palavras em conversas ou documentações, prefiro encriptar e decriptar, mas sempre fico com aquela pulga atrás da orelha.

2
  • 2
    Trabalho com criptografia há mais de 10 anos, e como jargão técnico todas são utilizadas indistintamente em documentos e na fala. São sinônimos. Não posso afirmar o mesmo quanto ao que dizem os dicionários sobre eventuais e sutis diferenças entre elas.
    – Luciano
    Oct 27 '17 at 18:23
  • colocar dentro da cripta. Nov 8 '17 at 18:20
7

Segundo o Dicio encriptar e criptografar são sinônimos:

Significado de Criptografar verbo transitivo direto Converter textos, dados ou qualquer outro tipo de informação explícita para um código secreto, de modo que apenas aqueles que detenham o código sejam capazes de decodificar a informação e acessar o seu conteúdo; encriptar, codificar: é preciso criptografar os dados mais estratégicos antes de os enviar pela rede. Etimologia (origem da palavra criptografar): cripto + grafo + ar.

Sinônimos de Criptografar Criptografar é sinônimo de: encriptar

Decriptar há no dicionário Dicio:

Significado de Decriptar verbo transitivo direto Traduzir ou decifrar mensagens cifradas, encriptadas; decodificar: a chave que se utiliza para encriptar é a mesma utilizada para decriptar a mensagem.

Também achei desencriptar no Priberam:

de·sen·crip·tar - Conjugar (des- + encriptar) verbo transitivo [Informática] Decifrar dados em código. = DESCODIFICAR ≠ CIFRAR, CRIPTAR, ENCRIPTAR

Porém não achei referências para descriptografar e descriptar. Mesmo que descriptografar é encontrado em textos da Microsoft:

Descriptografia é a operação inversa da criptografia. Para a criptografia de chave secreta, você deve saber a chave e o IV que foram usadas para criptografar

3

Criptografar é consensual e vem em todos os dicionários; já encriptar, neste sentido, vem apenas em alguns, nomeadamente no Priberam (2), Infopédia (versão digital da Porto Editora) e Dicio; Cláudia Pinto na FLiP (associada ao Priberam) diz que vem também nos dicionários Aurélio (1999) e Porto Editora (2004); mas não vem, neste sentido, no Aulete, Michaelis, no Houaiss (Lisboa, 2002; não sei se vem no Houaiss de 2009) nem no dicionário da Academia das Ciências de Lisboa (2001).

No entanto há pelo menos vintes anos que encriptar (Google Books), a par de criptografar (Google Books), aparece com frequência em livros. A razão do tratamento desigual nos dicionário é que enquanto criptografar é uma palavra consagrada há muito tempo, encriptar é uma adaptação recente do inglês encrypt, que por sua vez é, segundo o Etymoline, um neologismo registado apenas a partir de 1968.

O exemplo de mais antigo que encontrei do verbo encriptar foi neste Jargão: o dicionário informal dos termos da informática de 1994. Criptografar é bem mais antigo. Cryptographia já vem no dicionário Moraes Silva de 1831, definido como:

CRYPTOGRAPHIA, s. f. Arte de escrever de um modo occulto e inteligivel a qualquer outra pessoa que não seja aquella, a quem o escripto é dirigido.

O verbo já estava em uso em 1912 (Brazil-ferro-carril):

[…] permitte communicar em absoluto segredo noticias e ordens cryptographadas

Agora, a minha previsão é que pelo contacto com o inglês encryp, encriptar vai continuar em uso, e vai ser uma mera questão de tempo para que apareça em todos os dicionários. Entretanto, como diz na Cláudia Pinto no artigo da FLiP, a decisão de usar ou não encriptar fica ao critério de cada um. Ela argumenta no entanto que não razão para a oposição e que a palavra é “bem formada”. Aliás, a palavra já existia antigamente, mas apenas com o significado de ‘meter em cripta ou em túmulo’; a cripta (Aulete) é uma galeria subterrânea existente em algumas igrejas. Mas já o dicionário de Cândido de Figueiredo de 1899 classifica este termo como “antigo”.

Os dicionários apresentam também com o mesmo significado cifrar (Aulete 1) e codificar (Aulete 4 e 6); mas qualquer destas palavras tem também vários outros significados. O Priberam, que parece ser o mais aberto a inovações, indica também criptar.

Quanto à operação inversa, no Google Books o mais frequente parecer ser decriptar, depois descriptografar e desencriptar, e o menos frequente, descriptar. Decriptar vem no Aulete (que não tem nem criptar nem encriptar), descriptar no dicionário inglês-português da Porto Editora e desencriptar no Priberam. Em princípio, admitindo a existência de encriptar, o falante é livre de criar palavras necessárias por prefixação, seja a partir de encriptar, dando desencriptar, seja do seu componente criptar, dando decriptar ou descriptar.

Já agora, se precisares de uma palavra para ‘ato de encriptar/criptografar’, a minha preferência vai para encriptação, que encontrei apenas no Priberam e Infopédia. Criptografia vem em todos os dicionários, mas sugere mais ‘técnicas, arte de criptografar’ do que ‘ato de criptografar’, e é isso que dizem os dicionários. Poderíamos criar criptografação ou criptografagem, mas para o meu gosto são demasiado compridas e desajeitadas.

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.