5

Estava fazendo uma pesquisa e deparei-me com o seguinte texto:

As vespas são insetos pertencentes à ordem dos himenópteros responsáveis pela polinização de diversas espécies de plantas. Dividem-se nas subordens Apocrita e Symphyta. As larvas da subordem Apocrita são usualmente carnívoras ou parasitoides, enquanto que as da Symphyta são herbívoras. No Brasil e em Angola são chamadas de marimbondos, as vespas da família Vespidae, Pompilidae ou Sphecidae. (Wikipédia.)

Estes termos taxonômicos em latim podem ser resumidos por "vespas que ferroam seres humanos", um subconjunto bem reduzido de insetos. A maioria das espécies de vespas não possui ferrão, e a maioria das restantes evita todo o contato possível com seres humanos. Das 80 mil espécies catalogadas de vespas, estima-se que somente 5 mil sejam "marimbondos".

A origem etimológica do nome vem do quimbundo, dialeto falado pelos escravos angolanos trazidos ao Brasil, o que explica a inexistência da palavra em terras lusitanas. Mas a pergunta que fica é: do que os portugueses chamam os marimbondos? Ou melhor, como vocês diferenciam marimbondos de vespas inofensivas?

Foto deste inseto asqueroso:

enter image description here

16
  • Ramon, Imagino que aquilo de se ter que passar com o rato sobre a foto não fosse intencional? Bem, de qualquer forma, agora já não é.
    – Jacinto
    Feb 2 '17 at 10:56
  • Marimbondo nada mais é que uma vespa grande. Feb 2 '17 at 13:15
  • @BrunoCosta Este link é sobre como diferenciar vespas de abelhas, e não como selecionar marimbondos dentro de vespas. Por definição, todo himenóptero que não é uma formiga ou uma abelha é uma vespa, mas esta diferenciação não tem nada a ver com a língua portuguesa.
    – Ramon Melo
    Feb 2 '17 at 13:48
  • 1
    @ANeves termos taxonômicos: "Vespidae, Pompilidae ou Sphecidae". Todo marimbondo é uma vespa. Vespas que não são marimbondos são chamadas só de "vespas" mesmo, algumas espécies polinizadoras são até cultivadas por agricultores.
    – Ramon Melo
    Feb 2 '17 at 16:07
4

Quem os reconhecer chamar-lhes-á marimbondos, mas que eu saiba nós não temos esses bichos em Portugal. A menos que aquilo a que chamamos vespa também possa ser classificado como marimbondo.

Eu não sou zoólogo, mas falando como um leigo que cresceu no campo no meio de toda a bicharada, em Portugal, para mim vespa inofensiva é coisa que não existe. Portanto não há necessidade de qualquer diferenciação. Na linguagem corrente em Portugal, uma vespa é um inseto preto e amarelo, parecido com um abelha mas menos gordinho, e―e aqui é que vem o mais importante—cuja ferroada dói que se farta.

Na linguagem corrente de Portugal uma vespa é apenas isto (“Picaduras de avispa en nuestro perro” (“Picadas de vespa no nosso cão”), Perros QR):

enter image description here

É possível que haja aqui uma diferença entre a linguagem corrente e a científica, porque as definições de vespa nos dicionários correspondem mais ou menos à eu dei acima, nomeadamente todos dizem que a vespa tem ferrão (Aulete, Michaelis, Priberam). Alguns, como a Infopédia ou o dicionário da Academia das Ciências de Lisboa, acrescentam que a picada da vespa é muito dolorosa.

12
  • "Marimbondo" não é um termo científico, é idiomático mesmo. Mas, se vocês não têm (ou não reconhecem) vespas não-agressivas, faz sentido que não mesmo haja um nome para diferenciá-las.
    – Ramon Melo
    Feb 2 '17 at 14:20
  • 2
    @Ramon, refiro-me ao significado de vespa na linguagem corrente e na científica: vespa na linguagem corrente é mesmo só aquele bicho preto e amarelo; imagino que haja várias espécies, mas as daqui de Portugal, acho que todas picam. Agora poderá haver, mesmo aqui, outros insetos, inofensivos e cientificamente classificados como vespas, que nós não reconheçamos como vespas; não sei dizer.
    – Jacinto
    Feb 2 '17 at 14:41
  • 1
    Jacinto, e como chamamos aquelas vespas pretas? Eu não sei, acho que chamaria "vespa" ou "vespa preta", mas não acho que sejam vespas porque não têm as listras amarelas e pretas, "o fato de presidiário"...
    – ANeves
    Feb 2 '17 at 15:10
  • 1
    As minhas pesquisas por esses animais dão sempre nomes de "vespa tal"... vou tentar procurar melhor depois.
    – ANeves
    Feb 2 '17 at 17:40
  • 1
    @ANeves Estarás a falar dos moscardos? O moscardo é tipo uma mosca comprida e preta. Elas picam e dói muito. Também há as moscas varejeiras, que são uma versão agigantada da mosca comum, mas não picam. Mas isto é tudo da família da mosca. Mesmo o moscardo morde, não tem ferrão para picar.
    – Jacinto
    Feb 2 '17 at 17:51
2

Todo marimbondo é vespa, mas nem toda vespa é marimbondo. Vamos entender: existem cerca de 30 mil espécies de vespas conhecidas e a grande maioria delas não constrói casas (são as chamadas vespas solitárias), mas existe uma minoria que constrói e o marimbondo está nesse grupo.

Por isso, quando levamos uma ferroada de marimbondo há uma justificativa: ele estava tentando defender sua casa. Muitas vespas solitárias escavam o solo com suas mandíbulas e constroem um túnel que termina em um buraco chamado de “cela”. UFMG

Cacho de Marimbondo

Marimbondo

No Brasil e em Angola são chamadas de marimbondos, as vespas da família Vespidae, Pompilidae ou Sphecidae. Wikipedia - Vespa

Apesar de vespas de todos os tamanhos e cores poderem ferroar as pessoas, geralmente as que constroem ninhos em árvores ou buracos de paredes e que atacam as pessoas costumam ser chamadas de marimbondos. Muitas delas são grandes e escuras (preta / marrom / avermelhada).

4
  • Assim já estou prevenido para quando as encontrar em Angola ou no Brasil. E tu, quando vieres a Portugal, já sabes: aqui as vespas são amarelas e pretas como as abelhas, não lhe chamamos marimbondos, mas elas picam na mesma :) (Ok, normalmente, se as deixarmos em paz, elas também nos deixam em paz; normalmente.)
    – Jacinto
    Feb 7 '17 at 18:50
  • @Jacinto Não se deixe enganar pelos biólogos: marimbondos consideram qualquer aproximação como um "ataque" a ser "defendido", mesmo quando pousam em você.
    – Ramon Melo
    Mar 1 '17 at 10:54
  • @RamonMelo Eu falava da minha experiências com as vespas portuguesas. Vespas e abelhas. Normalmente não nos incomodam. Mas já uma vez fui picado por oito abelhas, sem qualquer provocação--ia tranquilamente a subir a estrada de bicicleta.
    – Jacinto
    Mar 1 '17 at 10:58
  • @Jacinto Sim, mas eu dizia sobre isto aqui: "Assim já estou prevenido para quando as encontrar em Angola ou no Brasil." Estes bichos são destemidos, a maioria deles preda animais maiores (ou em maior número) do que eles. Já presenciei um destes atacando um pitbull de focinheira, foi uma disputa desleal.
    – Ramon Melo
    Mar 1 '17 at 11:10

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.