3

Adestrar: verbo transitivo direto e pronominal.

Indica a ação de fazer com que um animal ou pessoa fique hábil para realizar uma determinada ação, trabalho etc.

Exemplos:

O cão foi adestrado para obedecer seu dono.
Os policiais foram adestrados(preparados) para a missão.

Ouvi dizer que o verbo adestrar nasceu na época em os canhotos eram discriminados. Por isso, os pais amarravam a mão esquerda dos filhos canhotos, para os tornarem destros.

É isso mesmo?

Qual a origem do verbo adestrar?

4

Segundo o Aulete digital e o Dicionário da Academia das Ciências de Lisboa adestrar vem de destro (o Aulete admite também a possibilidade de vir diretamente do latim addextare, mas não consegui sequer confirmar que essa palavra tenha existido).

Segundo o Aulete, Destro significa, para além de (lado) direito, ou alguém que usa mais a mão direita,

3. Dotado de especial habilidade; PERITO 4. Fig. Que demonstra agilidade, desembaraço.

Portanto parece-me que adestrar terá provavelmente nascido da ideia de tornar alguém destro no sentido (3) do Aulete, hábil, perito. Note-se que este significado já estava presente no latim dexter, que é a origem do português destro.

A primeira ocorrência de destro com o significado de hábil que encontrei no português foi na Crónica do Conde D. Pedro de Meneses de Gomes Eanes de Zurara, 1463:

Diogo Vazquez hera homë bem destro naquelle mester & abastava-lhe o coraçam pera fazer quallquer cousa trabalhosa, por muito perigosa que fosse.

Adestrar, no sentido de treinar, ensinar, aparece em Saudades da Terra de Gaspar Frutuoso, escrito entre 1586 e 1590; a passagem inclui também destros:

o recolheu em sua casa e mandou ensinar e adestrar nas ciencias e armas como filho, nas quais tanto aproveitou Filomesta em poucos anos, que os mais sobios nas ciencias daquela cidade lhe davam obediencia e os mais destros nas armas lhe reconheciam avantagem e o temiam

Nesta versão galaico-portuguesa da Historia Xeral de 1300 atribuída a Afonso X, adestrar parece querer dizer auxiliar, servir de braço direito, neste caso a um cego:

Lamec (...) que tanto viueo longa vida que perdeo o veer et foy çego et ouvo despoys hũ moço queo adestraua pero mãçebo, segũdo conta o Genesis queo moço o adestraua et oguyaua por onde ya.

| improve this answer | |
  • Essa ideia parece a mais plausível: um dos sentidos do prefixo a- «é o de "passagem a um estado"», segundo o Ciberdúvidas. – Armfoot Jan 7 '16 at 12:08

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.