12
  1. (Computer Science) computing a person who submits deliberately inflammatory articles to an internet discussion

Is there a Portuguese translation for this meaning of troll?

I was surprised to find a literal translation in the dictionary, trol:

  1. Indivíduo que coloca mensagens ou comentários provocadores em sítios de discussão pública on-line, com intuito desestabilizador.

However, I haven't seen this word being used in Portuguese before (besides from translation websites, Google is not providing examples in Portuguese). Wikipedia seems to register it as troll and the single l'ed trol was a toy factory in Brazil.

Therefore, how do people refer to an "online" troll in Portuguese?

  • 1
    In Portugal we use gozão – Jorge B. Dec 17 '15 at 13:36
  • 1
    @JorgeB. Acredito que somente se aplica ao pt-PT. Em pt-BR, a palavra "gozão" tem um sentido bem pejorativo. Então é bom não usá-la quando conversar com brasileiros. – Striter Alfa Dec 18 '15 at 16:10
  • 1
    @StriterAlfa eu sei ;) – Jorge B. Dec 18 '15 at 16:16
6

The word troll is used without being translated.

But I have seen very often people using the term trolador, which means the same as troll.

Also, people use the verb trollar, and sometimes trolar, which means make fun of someone (as you may see in Wiktionary).

5

As a brazilian, I also said "troll" sometimes talking with other person even in Portuguese. There are other words we don't translate, for example, bullying (meaning the coward acts often seen in schools towards other students intended to humiliate them...). Some terms related with technology, are used in english, like trolls, I've also heard the word haters (when someone in internet has the only purpose to be agressive, gor example in comments...) The word mouse (the computer mouse) is also not translated.

5

Existe uma gíria em pt-BR para uma pessoa com esse tipo de comportamento: "zueiro" ou "zoeiro". Você também poderá encontrar muitas vezes a palavra em forma de verbo também: "zoar"

Exemplo:

"João zoou muito ao comentar em um site de culinária. João é zoeiro."

"A zoeira não tem limites."

2

The literal translation is "ogre" (pt-PT).

  • 1
    ogro e troll são monstros diferentes – André Lyra Apr 29 '16 at 17:10
2

Acredito que brincalhão e galhofeiro sejam boas traduções.

0

O falante nativo de português brasileiro e — acredito — o falante nativo de português europeu também empregam o termo gozador e o vizinho gozar. Exs.:

  1. Geringoncildo gozou tanto com os outros no fórum X, que a moderadora o baniu.
  2. — Você gozou muito com a cara dos outros no fórum. Você está banido. — disse a moderadora.
  3. "Pare de me gozar, por favor!"
  4. — Você está me gozando, né?
  5. "Que gozador! Goza até com ele mesmo!"

Pelo menos no Brasil, o verbo gozar quase sempre vem com a preposição com.

0

Apologies for the fact that the comprehensive answer is in Portuguese, but basically it justifies with reliable sources that the semantically and graphically correct Portuguese translation to "troll" is trol.

Quer o Priberam, quer o dicionário da Porto Editora, têm a grafia trol, quer para a criatura do folclore nórdico, quer para o termo informático. Estes dois termos, aparentemente, têm étimos diferentes. O primeiro vem das línguas nórdicas, algo como um ogre, o segundo vem pela via do Francês, do verbo, trôler (vaguear), ou seja, com apenas um [l] e não com dois.

Esta grafia obedece às boas regras da fonética e da morfologia do Português, pois são, do ponto de vista silábico, similares a prol, gol, sol, farol, mongol, caracol ou lençol. Ademais, cito o Ciberdúvidas

A palavra troll é de origem nórdica e chegou ao português através do inglês, mas não se encontra averbada nos dicionários de língua portuguesa por nós consultados. No folclore escandinavo, os trolls são criaturas imaginárias, tão comuns nas histórias infantis como as bruxas. De estatura variável (anões ou gigantes), os trolls são seres geralmente malignos, feios ou estúpidos, que habitam em grutas ou florestas e se transformam em pedra quando expostos aos raios solares. Fora da mitologia escandinava, os trolls foram popularizados na ficção pelo escritor britânico J. R. R. Tolkien. Pesquisas em motores de busca da Internet revelam que as formas aportuguesadas trol e trole (com o plural tróis e troles, respectivamente) têm já algumas ocorrências, designando, para além da criatura imaginária, uma pessoa pouco inteligente (ex.: Não perceberam nada, cambada de troles!) ou um indivíduo que coloca mensagens ou comentários provocadores, maldosos ou violentos em páginas de discussão pública on-line, com intuito desestabilizador (ex.: Naquele blogue há muitos comentários de um trol malcriado).

Ou seja, o trol informático, e o trol como criatura do folclore nórdico, têm étimos diferentes. Apesar do facto de os dois étimos serem diferentes, o verbo to troll, que deu origem ao termo informático, vem pela via do Francês, trôler, ou seja, com apenas um [l]. E mesmo que fosse unicamente anglófono, tal não justifica que não se adapte o termo à grafia da nossa língua, se tal já foi feito com tantas outras palavras. E este caso é muito simples, basta remover um [l], que todas as regras gráficas e fonéticas da língua se mantêm preservadas.

-1

In the sense of item 9, above (...intentional submittal of inflammatory comments or articles to a forum or internet discussion.), I´d translate it into Portuguese as "intriga", a feminine noun from the verb "intrigar" = fabricate malicious gossip or "fake news" aiming to generate conflict between or among people or nations.

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.