5

During a short flight back home, I picked up a magazine and started reading: "O Lobo de Wall Street foi um dos filmes mais assistidos em 2014." I've posted a question a while ago ("obedecer é verbo transitivo direto ou indireto?") and here I am again asking a similar question: when I was a student, more years ago than I care to count, I was taught that "quem assiste, assiste a alguma coisa" unless the meaning of "assistir" is "to assist or help". If a preposition is required, it is considered "verbo transitivo indireto". I was also taught back then that "transitivos indiretos" cannot be put into the passive voice. Have things changed?

EM PORTUGUÊS Durante uma curta viagem aérea, comecei a folhear uma revista e li: "O Lobo de Wall Street foi um dos filmes mais assistidos em 2014." Há algum tempo postei a pergunta "obedecer é verbo transitivo direto ou indireto?" e agora faço uma pergunta semelhante: quando estudante, há muitos anos, aprendi que "quem assiste, assiste a alguma coisa" exceto se o sentido for "ajudar" ("o médico assistiu o doente"). Sendo necessário o uso de preposição, o verbo é transitivo indireto. Se o verbo é transitivo indireto, não poderia ir para a voz passiva. Não sendo esse o primeiro exemplo que encontro, pergunto: mudaram as regras?

  • 2
    Piada obrigatória: XXX nem sequer é de 2013!! – ANeves Sep 10 '15 at 9:50
  • Eu consigo entender "A Etiópia foi o país mais assistido pela Unicef em 2014." mas não "XXX foi o filme mais assistido". Certamente, aceitaria "o filme mais visto, mais exibido, mais comentado, etc, ou até mesmo "de maior bilheteria". – Centaurus Sep 10 '15 at 16:36
2

As recomendações que encontrei online divergem. A InfoEscola e a Educação uol não admitem a regência direta ou voz passiva de assistir no sentido de ver, que é o relevante aqui (admitem-no apenas no sentido de ajudar). Já o manual de redação da Pontífica Universidade Católica da Rio Grande do Sul, baseando-se em nomes grandes como Celso Luft tolera a regência direta e voz passiva, e dá precisamente como exemplo assistir o filme e o filme foi assistido.

O manual de redação da PUCRS evita a dicotomia certo versus errado, em favor de uma abordagem com mais gradações: preferível, tolerável, grosseiro, inadmissível, com mais algumas pelo meio. A posição de Luft, como transmitida pelo manual, é que o mais que se pode é aconselhar a sintaxe original, tradicional (regência direta).

Ao contrário do que se passa com o verbo obedecer, não encontrei registo de uso da regência direta de assistir entre os autores clássicos. Esta regência parece ser um inovação relativamente recente, e comum a alguns outros verbos. O manual de redação da PUCRS apresenta vários exemplos. Estas inovações começam por ocorrer na linguagem coloquial, mas tem já vindo a ser adotadas por alguns escritores.

6

http://www.migalhas.com.br/Gramatigalhas/10,MI80436,91041-Voz+passiva+quando+e+possivel

13) Quanto a esses verbos que mudam de transitividade conforme o sentido, fixa-se-lhes a regra de que apenas admitem transposição para a voz passiva quando são transitivos diretos: I) "O cliente foi assistido pelo advogado" (admite emprego na voz passiva, porque, no sentido de auxiliar, o verbo assistir é transitivo direto); II) "O espetáculo foi assistido pelo advogado" (exemplo equivocado e errôneo, já que, sendo transitivo indireto nesse sentido, o verbo assistir não admite transposição para a voz passiva).

Acho que cada vez mais, e especialmente na indústria de entretenimento, as regras formais de escrita são deixadas de lado.

Your Answer

By clicking “Post Your Answer”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Not the answer you're looking for? Browse other questions tagged or ask your own question.